MESA DE NEGOCIAÇÃO SALARIAL DEMONSTRA O DESCASO PATRONAL DA HOTELARIA E RESTAURANTES DE PONTA GROSSA EM RELAÇÃO AOS TRABALHADORES

09/03/2018

Mais uma vez o Sindicato patronal do setor de hotéis, restaurantes e similares de Ponta Grossa e Região no Paraná, faz pouco caso dos sindicatos dos trabalhadores da área, ao não comparecer na reunião de mediação no Ministério do Trabalho e Emprego para que as partes pudessem chegar em um acordo.
As convenções coletivas que estavam sendo negociadas são as de Ponta Grossa e região com datas bases em maio/2017 e outubro/2017, cujos trabalhadores são representados pelo Sindehtur/PG.
O Sindehotéis de Curitiba representa os trabalhadores de alguns municípios que o sindicato patronal pontagrossense tem base territorial, estava negociando a data base de maio/2017.
Em reuniões fora do MTE, a classe patronal sempre se manifestou no sentido de retirar direitos já assegurados nas convenções coletivas anteriores.
Durante a reunião, as mesas destinadas aos representantes patronais, permaneceram vazias, o que reflete desrespeito aos trabalhadores.
Os representantes dos trabalhadores registraram em ata seus protestos com relação as atitudes dos patrões, que nem mesmo justificaram perante o Ministério do Trabalho as razões das ausências.